Por / 5th fevereiro, 2014 / Festas e Eventos, Roteiros / Desligado

Carnaval-Ouro-Preto Desfiles de blocos, escolas de samba e muita alegria. Desde do século XIX, o carnaval de Ouro Preto contagia pela beleza e animação que toma conta da cidade. Conheça a tradição histórica dessa festa marcante:

Blocos: O desfile de blocos está presente na origem da história do carnaval da cidade. Um dos primeiros que surgiu foi o “Zé Pereira dos Lacaios”, criado em 1867 por funcionários do Palácio do Governo, que anima a festa com os desfiles dos catitões ( grandes bonecos) e os carias (pequenos diabos) ao som dos toques de tambores e clarins. A partir daí, foram surgindo diversos blocos como o do Caixão, da Diretoria e Bandalheira que contam com uma enorme variedade de integrantes e mostram de forma descontraída os ritmos que contagiam toda a cidade.

Escolas de Samba: As Escolas de Samba de Ouro Preto assumem um papel importante na história do carnaval da cidade, porque além da função social que elas desempenham nas sua comunidades, elas levam beleza e alegria para a Praça Tiradentes. A partir do momento que os desfiles delas começaram a acontecer nesse local, os moradores das comunidades começaram a melhorar a festa chegando a ser considerada hoje umas das melhores do país. Em 1957, época em que a primeira escola de samba foi criada, Império do Morro Santana, o carnaval mineiro assumiu uma nova fase. Nas décadas de 1970 e 1980, os desfiles alcançaram o auge com os sambas de Edmundo Guedes, Vicente Gomes e Vandico. Atualmente, as escolas se profissionalizaram na produção de alegorias, administração e organização da festa.

Repúblicas: Ouro Preto apresenta mais de 300 repúblicas estudantis e desde que foram criadas era comum o uso delas para realização de festas e hospedagens de turistas. Os recursos desse tipo de serviço prestado são usados na manutenção e conservação das moradias. As repúblicas são divididas como repúblicas do Centro Histórico, próximas à ele e do Campus. Os pontos negativos dos pacotes oferecidos aos turistas pelas repúblicas são as acomodações. Geralmente, os grupos são divididos em  homens e mulheres com cerca de 4 a 8 pessoas, cada uma delas recebe um colchonete para que possa se acomodar no espaço disponível junto com as bagagens trazidas pelos foliões, o que reduz bastante o espaço. Entretanto, desde Dezembro de 2013, a Universidade Federal de Ouro Preto informou a proibição da venda de hospedagens em repúblicas federais na cidade em função da determinação judicial que atendeu ao Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Minas Gerais, Regional Circuito do Ouro.

Por isso, seja para curtir a alegria das escolas de samba ou desfilar nos tradicionais blocos da cidade, fica o convite para aproveitar essa festa tradicional com toda a beleza e encanto que Ouro Preto tem para lhe oferecer!

Fonte: Portal Carnaval Ouro Preto